Galerias Fotográficas

Serviços Municipais

Cultura e Património

 

Programação, realização de atividades e gestão de espaços culturais

Na área cultural, a política da Câmara Municipal de Moura tem como missão a promoção e difusão da cultura nas suas variadas manifestações de acordo com programas específicos, em convergência com a estratégia do desenvolvimento cultural e social das populações.

Dinamizar, coordenar, programar a atividade cultural do município através de iniciativas municipais ou de apoio a atividades de outras entidades são algumas das linhas traçadas para atingir os fins atrás propostos.

Comemorações do Feriado Municipal, comemoração do 25 de Abril, Festival do Peixe do Rio e do Pão, Concurso de Mastros populares, Concurso de Marchas Populares, Cântico aos Reis e exposições são algumas das atividades a realçar na atividade anual.

Outra das vertentes desta área verifica-se na gestão de espaços e infra -estruturas destinados a atividades culturais (Cine- Teatro Caridade, Espaço Sheherazade e espaço dos Quartéis)


Biblioteca

A Biblioteca Municipal Urbano Tavares Rodrigues e os seus seis polos concelhios oferecem vários serviços, entre os quais, a consulta e requisição de livros nas salas de leitura (adultos e infantil), a consulta do Fundo Local, serviço de acesso à Internet e a recursos multimédia (empréstimo de DVDs e de CDs), consulta e requisição de jornais e de revistas, serviço de impressão, digitalização e fotocópias. A Biblioteca disponibiliza ainda várias revistas em braile, propiciando apoio no acesso à informação aos utilizadores portadores de deficiência visual através de material adaptado. A Biblioteca promove também serviços de empréstimo inter-bibliotecas.

Mediante marcação é possível realizar visitas guiadas à Biblioteca com turmas das escolas.

A biblioteca assinala dias temáticos ao longo do ano, tais como: Dia internacional do livro infantil, Dia mundial do livro, Dia mundial da música, entre outros.

No âmbito da promoção do livro e da leitura, a Biblioteca realiza anualmente a Feira do Livro de Moura que tem subjacente o projeto ” Padrinhos de Leitura”, a “Hora do conto”, encontros com escritores e lançamentos de livros.

A Biblioteca oferece uma rica panóplia de projetos de promoção do livro e da leitura que são desenvolvidos pelos técnicos da Biblioteca Municipal no âmbito do seu trabalho, essencialmente junto do público infantil como é o caso dos projetos: “Semeando Leituras”, “Tapetes e Aventais de Histórias” e “Hora do Conto”. O trabalho desenvolvido nestes projetos é fruto do empenho profissional e pessoal dos técnicos da Biblioteca Municipal. Estes projetos são realizados por cada um dos técnicos da biblioteca, em paralelo com o trabalho de atendimento público, e desenvolve-se quer dentro da biblioteca, quer em outros locais fora da biblioteca onde presta apoio a atividades socioeducativas e colabora com vários setores da Câmara Municipal de Moura.

A Biblioteca Municipal presta ainda apoio às escolas e tem várias colaborações e parcerias, nomeadamente com a APPACDM de Moura, Unidade de Cuidados Continuados, Lar de São Francisco e Centro Infantil Nª. Sª do Carmo. Promove também um projeto em parceria com o Centro de Saúde de Moura, “Leituras para o Umbigo”, que consiste numa hora do conto para grávidas.


Museu Municipal

O setor dos Museus e Património Histórico, no âmbito das competências que lhe foram atribuídas, desenvolve trabalhos de investigação, divulgação, conservação, proteção, defesa, desenvolvimento do património cultural, natural, móvel, imóvel e imaterial.
Está este setor encarregue da gestão e dinamização de seis núcleos museológicos, entre outros espaços, com várias atividades lúdico-pedagógicas destinadas ao público em geral.


Núcleos museológicos

Lagar de Varas do Fojo: classificado como imóvel de interesse, é testemunho fiel do fabrico de azeite sem recurso a máquinas, mantendo toda a tradicionalidade, sendo que a única mola propulsora era a força animal. O edifício, de 1810, conserva ainda a maquinaria original que evoluiu do sistema de produção de azeite romana.

Museu Gordillo: o pioneiro da Joalharia Contemporânea Alberto Gordillo doou parte do seu acervo artístico à Câmara de Moura. Único no país, pela beleza e originalidade do seu património artístico.

Museu Municipal: reúne espólio arqueológico do concelho de Moura, pelo que se pode aí apreciar uma grande variedade de materiais arqueológicos, da pré-história ao século XVIII. Dispõe ainda de zona de exposições temporárias.

Museu de Arte Sacra: instalado na Igreja-Colegiada de São Pedro, do século XVII, com espólio constituído por um rico património eclesiástico do concelho e do arciprestado de Moura, acolhendo mais de uma centena de obras de arte datadas de desde o século V até à atualidade. Merece ainda destaque o revestimento azulejar da Igreja, de rara beleza e valor.

Poço Árabe: localizado no centro do Bairro da Mouraria, o núcleo árabe conserva “in situ” um poço árabe do século XIV e algumas peças de cerâmica e candis. A estes juntam-se outros vestígios árabes de grande relevância: a mão de Fátima (amuleto islâmico), a arqueta islâmica, e várias epigrafes, sendo a mais importante a que está ainda encastrada no Castelo de Moura e que confirma a construção do minarete da mesquita.

Jardim das Oliveiras “Miguel Hernández”: inaugurado em 2012, é um espaço lúdico-pedagógico que divulga a cultura da oliveira e do olival. Neste espaço também se podem encontrar diferentes ervas aromáticas e medicinais. Esta infraestrutura foi pensada numa lógica de interligação entre espaços museológicas, como o Lagar de Varas do Fojo que se situa mesmo em frente, do outro lado da rua.

Núcleo de armaria: situado na Torre de Menagem do castelo de Moura. Foi inaugurado em junho de 2012 e alberga um conjunto de armas: punhais, espadas, pistolas de pederneira, pontas de baioneta, do século XVI ao XIX.

Igreja do Espírito Santo, atual Galeria do Espírito Santo: trata-se de um templo da segunda metade do século XVI de nave única e com as paredes laterais ritmadas por três contrafortes que denunciam uma zona inferior mais antiga. O seu interior apresenta um teto em abóbodas nervuradas e um belíssimo conjunto de frescos do século XVII.


Arqueologia

O trabalho desenvolvido pela equipa de Arqueologia da Câmara Municipal de Moura tem uma dupla vertente, uma vertente de cariz mais prática ou de “campo” onde se inserem as escavações arqueológicas (exemplo, alcáçova do castelo de Moura), os acompanhamentos arqueológicos de obras (exemplos, edifício dos Quartéis ou o novo Posto de Turismo) e as prospeções arqueológicas de superfície (exemplos, área da Central Fotovoltaica da Amareleja, Plano de Pormenor da aldeia da Estrela), e um trabalho mais teórico ou de “gabinete”. Nesta vertente, é estudada e compilada a informação recolhida nos trabalhos arqueológicos (elaboração de relatórios técnicos), procede-se a trabalhos de investigação para possíveis publicações, exposições ou outro meio de divulgação, desenvolvem-se atividades com a comunidade escolar e são emitidos pareceres técnicos quando solicitados.

 




Estado do Tempo

Programas de Rádio

Website Security Test