História da Escrita no Baixo Alentejo no Museu Municipal de Moura

183

A Câmara Municipal de Moura inaugura, a 8 de maio, na ala de exposições temporárias do Museu Municipal (antigo matadouro municipal) a exposição “História da Escrita no Baixo Alentejo”. 

A Câmara Municipal de Moura inaugura, a 8 de maio, na ala de exposições temporárias do Museu Municipal (antigo matadouro municipal) a exposição “História da Escrita no Baixo Alentejo”.

A mostra é uma iniciativa da Rede de Museus do Baixo Alentejo, que integra a Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo (CIMBAL), e pretende mostrar a evolução da escrita, neste território, ao longo da História. A exposição, que tem um carácter itinerante, passando por todos os municípios da CIMBAL, pretende divulgar as coleções dos museus que compõem a rede.

Estão patentes peças, documentos e registos descobertos no Baixo Alentejo, alusivos à evolução da escrita, desde a Idade do Ferro, visto que é dessa época que se supõem ser os primeiros vestígios da escrita do Sudoeste, até aos nossos dias.

A Câmara Municipal de Moura participa com a réplica de uma peça, única em território português, que alude à construção do minarete da mesquita. Trata-se de uma inscrição do século XI, e que está originalmente situada no Castelo de Moura, junto a uma fonte.

Esta exposição é co-financiada a 85% pelo Alentejo 2020, aprovada através da candidatura ao Plano da Rede de Museus do Baixo Alentejo para Dinamização e Divulgação do Património Histórico-cultural da Região e Criação de Novos Públicos.

A “História da Escrita no Baixo Alentejo – das origens aos nossos dias” pode ser visitada entre 8 e 27 de maio, em Moura.

No decurso da exposição a Câmara Municipal de Moura realizará a atividade educativa “Copista por um dia”, direcionada ao público escolar.